Resenha: Extraordinário

capa-extraordinario_frente (1)Sinopse: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

Autor: R. J. Palacio
Editora: Intrínseca
Páginas: 320
Ano: 2013
Minha avaliação: 10/10

Resenha:

Extraordinário conta a história de August, um garoto que nasceu com uma síndrome genética a qual o causou uma deformação facial, mas se não fosse por essa diferença física, Auggie, como também é conhecido pela sua família e amigos, seria um garoto comum como qualquer outro.

“Sei que não sou um garoto de dez anos comum. Quer dizer, é claro que faço coisas comuns. Tomo sorvete. Ando de bicicleta. Jogo bola. Tenho um Xbox. Essas coisas me fazem ser comum. Por dentro. Mas sei que as crianças comuns não fazem outras crianças comuns saírem correndo e gritando do parquinho. Sei que os outros não ficam encarando as crianças comuns aonde quer que elas vão.” 

Tudo começa a se desenvolver quando os pais de Auggie decidem que está na hora dele entrar na escola e começar a enfrentar o mundo. Inicialmente, Auggie resiste, mas depois acaba cedendo. O livro fala sobre toda sua adaptação na escola Beecher Prep, suas novas amizades e todas as batalhas que ele terá que enfrentar. A história é dividida em várias partes, todas narradas em primeira pessoa, mas cada uma por um personagem, e é muito interessante saber o ponto de vista de cada um em relação ao mundo ao redor de Auggie.

Adorei o livro e adorei a forma como a autora aborda o tema principal, o bullying. Auggie, apesar de ser apenas uma criança, tem que lidar com todo preconceito  e discriminação das pessoas ao redor dele, e isso faz com que ele seja um personagem muito forte. É muito triste saber que o que está ali escrito pode ser real, que existem adultos e crianças malvadas, mas é bom saber que existem pessoas gentis, que não ligam para a aparência e se importam com o coração. E mesmo com algumas atitudes que algumas crianças tomavam em relação à Auggie, eu tinha que lembrar que crianças são só crianças. Auggie era amado, amado pelos seus pais super protetores, por sua irmã, Via, por seus amigos, Jack e Summer, pela melhor amiga de sua irmã, Miranda, e por sua cadelinha, Daisy.

Não consigo imaginar uma palavra melhor para descrever esse livro do que a palavra Extraordinário. Devorei o livro em 2 dias, e só não foi em 1 pois tive que parar para resolver algumas coisas. Esse livro é daqueles que você ler um capítulo e pensa “só mais um”, e vai lendo até seus olhos ficarem cansados. Não chorei, tenho que confessar, mas foi uma das melhores leituras do ano, fechei com chave de ouro. Me apaixonei pela doçura e inocência de Auggie, e fico imaginando como alguém pode julgar tanto uma pessoa pela aparência. Recomendo para todos aqueles que são Extraordinários.

Perdoem-me se a resenha não ficou tão boa, ainda estou aprendendo e vocês não sabem (ou podem até saber) o quanto é difícil escrever sobre um livro que eu gostei de verdade, não conseguia encontrar as palavras certas.

Beijos e até a próxima!

Assinatura

Feliz Natal

Olá pessoas!

Eu não podia deixar esse dia passar em branco depois de tanto falar dele. Na verdade, não tenho muito o que falar, todos vocês já sabem (ou eu acho que sabem) qual é o significado do Natal. Então eu só vim aqui deixar meus votos.

Queria desejar um ótimo Natal à todos vocês, com muita paz, amor, harmonia e felicidade.
Espero que vocês passem esse dia do lado das pessoas que mais amam, que vocês possam rir, se alegrar e lembrar o quão importante são essas pessoas em suas vidas.
Deixem as mágoas e tristezas de lado.
Perdoem os que te fizeram mal e os deseje tudo de melhor.
Abracem os seus amigos e familiares, e diga à eles que você os ama.
Troquem presentes, mas não se importe com o que você ganhou, se importe com o sentimento que existe por trás daquele pequeno gesto, o amor.
Ligue para quem está longe, converse com quem está perto, pois não existe nada melhor do que lembrar de quem não está presente sem esquecer de quem está.
E não se esqueçam do mais importante, o motivo pelo qual você está comemorando essa data, o nascimento de Jesus.

Assim, eu deixo um versículo para iluminar o dia vocês:

“Porque um menino nos nasceu,
um filho nos foi dado,
e o governo está sobre os seus ombros.
E ele será chamado
Maravilhoso Conselheiro, Deus Podero­so,
Pai Eterno, Príncipe da Paz. ” – Isaías 9:6

Beijinhos!

Assinatura

O amor está no ar #Playlist

Olá galera!

Fui à um casamento nesse sábado que passou e fiquei prestando atenção nas músicas… Comecei a pensar em músicas para casamentos, músicas românticas, principalmente duetos. Separei 5 duetos lindos que, com certeza, eu cantaria no meu casamento.

A Thousand Years – Christina Perri ft. Steve Kazee

Lucky – Jason Mraz ft. Colbie Caillat

Who You Love – John Mayer ft. Katy Perry

Everything Has Changed – Taylor Swift ft. Ed Sheeran

You Are The Music In Me – Vanessa Hudgens ft. Zac Efron

E vocês? Conhecem algum dueto romântico? Cantaria no seu casamento?

Comentem 🙂

Assinatura

Namore uma garota que lê

Estava olhando alguns blogs por aí e achei uma postagem um pouco antiga, mas que eu gosto muito. Espero que vocês gostem também.

tumblr_static_tumblr_static_garota-lendo-um-livro

“Namore uma garota que gasta seu dinheiro em livros, em vez de roupas. Ela também tem problemas com o espaço do armário, mas é só porque tem livros demais. Namore uma garota que tem uma lista de livros que quer ler e que possui seu cartão de biblioteca desde os doze anos.

Encontre uma garota que lê. Você sabe que ela lê porque ela sempre vai ter um livro não lido na bolsa. Ela é aquela que olha amorosamente para as prateleiras da livraria, a única que surta (ainda que em silêncio) quando encontra o livro que quer. Você está vendo uma garota estranha cheirar as páginas de um livro antigo em um sebo? Essa é a leitora. Nunca resiste a cheirar as páginas, especialmente quando ficaram amarelas.

Ela é a garota que lê enquanto espera em um Café na rua. Se você espiar sua xícara, verá que a espuma do leite ainda flutua por sobre a bebida, porque ela está absorta. Perdida em um mundo criado pelo autor. Sente-se. Se quiser ela pode vê-lo de relance, porque a maior parte das garotas que leem não gostam de ser interrompidas. Pergunte se ela está gostando do livro.

Compre para ela outra xícara de café.
Diga o que realmente pensa sobre o Murakami. Descubra se ela foi além do primeiro capítulo da Irmandade. Entenda que, se ela diz que compreendeu o Ulisses de James Joyce, é só para parecer inteligente. Pergunte se ela gostaria ou gostaria de ser a Alice.

É fácil namorar uma garota que lê. Ofereça livros no aniversário dela, no Natal e em comemorações de namoro. Ofereça o dom das palavras na poesia, na música. Ofereça Neruda, Sexton Pound, cummings. Deixe que ela saiba que você entende que as palavras são amor. Entenda que ela sabe a diferença entre os livros e a realidade mas, juro por Deus, ela vai tentar fazer com que a vida se pareça um pouco como seu livro favorito. E se ela conseguir não será por sua causa.

É que ela tem que arriscar, de alguma forma.
Minta. Se ela compreender sintaxe, vai perceber a sua necessidade de mentir. Por trás das palavras existem outras coisas: motivação, valor, nuance, diálogo. E isto nunca será o fim do mundo.

Trate de desiludi-la. Porque uma garota que lê sabe que o fracasso leva sempre ao clímax. Essas garotas sabem que todas as coisas chegam ao fim. E que sempre se pode escrever uma continuação. E que você pode começar outra vez e de novo, e continuar a ser o herói. E que na vida é preciso haver um vilão ou dois.

Por que ter medo de tudo o que você não é? As garotas que leem sabem que as pessoas, tal como as personagens, evoluem. Exceto as da série Crepúsculo.

Se você encontrar uma garota que leia, é melhor mantê-la por perto. Quando encontrá-la acordada às duas da manhã, chorando e apertando um livro contra o peito, prepare uma xícara de chá e abrace-a. Você pode perdê-la por um par de horas, mas ela sempre vai voltar para você. E falará como se as personagens do livro fossem reais – até porque, durante algum tempo, são mesmo.

Você tem de se declarar a ela em um balão de ar quente. Ou durante um show de rock. Ou, casualmente, na próxima vez que ela estiver doente. Ou pelo Skype.

Você vai sorrir tanto que acabará por se perguntar por que é que o seu coração ainda não explodiu e espalhou sangue por todo o peito. Vocês escreverão a história das suas vidas, terão crianças com nomes estranhos e gostos mais estranhos ainda. Ela vai apresentar os seus filhos ao Gato do Chapéu [Cat in the Hat] e a Aslam, talvez no mesmo dia. Vão atravessar juntos os invernos de suas velhices, e ela recitará Keats, num sussurro, enquanto você sacode a neve das botas.

Namore uma garota que lê porque você merece. Merece uma garota que pode te dar a vida mais colorida que você puder imaginar. Se você só puder oferecer-lhe monotonia, horas requentadas e propostas meia-boca, então estará melhor sozinho. Mas se quiser o mundo, e outros mundos além, namore uma garota que lê.

Ou, melhor ainda, namore uma garota que escreve.”

(De Rosemary Urquico.
Tradução e Adaptação de Gabriela Ventura)

Via Janela de Cima

Assinatura

O que o Carteiro Trouxe #01

Olá galera!

Vamos começar uma nova tag, O que o Carteiro Trouxe, que existem em muitos blogs por aí com diversos nomes (ex.: Caixa de Correio). Só que antes gostaria de me desculpar por estar postando tão pouquinho, é muita correria e estou um pouco sem tempo.

Bem, mas vamos começar, vou postar as encomendas que chegaram esse mês. Essa tag só vai ser postada de 2 em 2 meses, se houver algo para mostrar, pois como não tenho parcerias ainda, tudo o que chega é comprado por mim ou ganhado em sorteios.

Vou começar com dois livros que comprei no dia 30 de Novembro:

1471382_556035177813996_1209792053_n 1479084_556038524480328_724629458_n

 

Agora minhas comprinhas da Blackfriday:

999788_556038697813644_1771628093_n

1521989_556038784480302_245017260_n 1484190_556038724480308_151786182_n

 

1472998_556038674480313_1251849458_n 1471987_556038874480293_921364156_n

 

Meu presente de amigo secreto no dia 14 de Dezembro:

1471736_556038631146984_226064989_n

 

De um sorteio que ganhei e chegou hoje, dia 17 de Dezembro:

1017246_556035061147341_49591299_n

 

Esse mês foi bem abençoado 🙂

Postei logo porque creio que não vá receber mais nada nos próximos dias.

E vocês? O que ganharam/receberam recentemente?

Assinatura

Wishlist de Natal

Gente! Como todos sabem, o natal está chegando. E apesar de eu amar de todo o meu coração o sentido real desse dia, eu também adoro ganhar presentes, mesmo não ganhando de ninguém além dos meus pais.

Então vou mostrar à vocês alguns dos itens que mais desejo, não vou colocar todos porque senão vocês vão passar a vida só vendo o que eu quero, hahahaha.

Esses são os livros que gostaria de ganhar (os que quero desesperadamente):

wishlistwishlist - Cópia

Também queria ganhar coisas criativas, como bottons, camisetas, canecas, agendas e almofadas criativas:

camiseta-game-of-thrones-e05962 caneca-marauders-map-mapa-do-maroto

 pi1324y_almofada_massageadora_speaker_fone_rosa_mb2post-227_1minhaagenda20126 

Bem, é isso, minha pequena grande lista 🙂

E vocês? O que desejam ganhar no natal?

*Camiseta: http://www.redbug.com.br/p/camiseta-game-of-thrones.html
*Caneca: http://cantogeek.com.br/caneca-harry-potter-mapa-do-maroto-marauders-map.html
*Almofada: http://loja.imaginarium.com.br/almofada-massageadora-speaker-fone-rosa.html

**As outras imagens foram pegas no google e eu não sei onde os itens são vendidos. Os livros vocês sabem onde são vendidos (Submarino, Saraiva, Livraria Cultura, etc.)

Assinatura

Resenha: A Culpa É Das Estrelas

Sinopse: Hazel é uma paciente terminal. Ainda que, por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante — o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos —, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas.

Autor: John Green
Editora: Intrínseca
Páginas: 288
Ano: 2012
Minha avaliação: 8/10

Resenha: Gente, vou logo avisando que não sei escrever resenha, só sei dar minha opinião, então vamos lá…

Esse livro conta a história de Hazel Grace, uma paciente terminal que tem câncer de tireoide com metástase nos pulmões, seus pulmões criam um líquido que o impedem de trabalhar direito e fazem com que Hazel tenha de carregar um tanque de oxigênio para onde quer que vá. Hazel é uma garota inteligente, mas está imersa numa tristeza e não quer mais sair de casa. Porém, sua mãe, como qualquer outra mãe preocupada, pede para que ela saia de casa e vá para um Grupo de Apoio fazer amigos. E é lá onde tudo começa. Hazel conhece Augustus Waters, um garoto que está em remissão de um osteossarcoma (um tipo de câncer que afeta os ossos) e que, por causa desse câncer, teve uma perna amputada e tem de usar uma prótese no lugar.

Augustus (conhecido também como Gus) se atrai imediatamente por Hazel, e a partir do momento que eles se vêem uma linda amizade se inicia. Eles começam a sair e se conhecer, até que numa dessas conversas Hazel compartilha o seu livro preferido com o Gus, Uma Aflição Imperial, e cada vez mais eles ficam conectados. Muita coisa acontece, muitas coisas felizes e tristes também.

A Culpa É Das Estrelas é um livro maravilhoso, com uma história linda. O livro fala sobre o câncer de uma forma real, com todas as dores e sacrifícios, mas não de um jeito penoso e triste. Os personagens são cativantes e demonstram muita força, eles nos mostram meios de suportar as dores e viver uma vida com amor, que apesar de tudo ainda podemos amar e ser feliz mesmo por um pequeno período que se for vivido com intensidade se transforma num pequeno infinito.

Vou dar uma dica para você que quer ler o livro, não vá com muitas expectativas, pois qualquer leitura que você começa com expectativas lá em cima são decepcionantes. Leia com o coração aberto para uma nova experiência, assim garanto que você vai se apaixonar.

Assinatura